Filme que vi: Eu Odeio do Dia dos Namorados


Sinopse: Genevieve (Nia Vardalos) é dona de uma floricultura e adora tudo relacionado ao Dia dos Namorados, afinal de contas é a época em que tem um grande aumento nas vendas. Para relacionamentos ela segue uma receita até então infalível: tem apenas cinco encontros, o que evita que passe pelo sofrimento inevitável dos romances. Isto faz com que ela se torne uma espécie de conselheira sentimental, para amigos e vizinhos. Quando Greg (John Corbett) abre um restaurante próximo, Genevieve logo percebe que ele tem dificuldades com mulheres. Ela explica sua tática e eles decidem aproveitar os cinco encontros. Só que ele deseja continuar o relacionamento, o que faz com que ela se depare com seus medos.
Duração: 1h 35min
***
Filme de amorzinho do jeito que eu amo! 
Genivieve (Nia Vardalos) não quer ter relacionamentos sérios, pois ela não quer sofrer. Greg(John Corbett) acabou de sofrer uma desilusão amorosa e acaba se envolvendo com Genivieve, já que ela não quer um relacionamento sério. Depois de um engano em relação a quantidade de encontros, eles acabam se afastando de vez, mas ambos já estão apaixonados.
Gente amo essa atriz, desde criança que eu assisti Casamento Grego na Sessão da Tarde, que por sinal é o mesmo casal de atores protagonistas, ela e o John Corbett, que só de vê-lo eu me lembro de Sex And The City. 
A história é bem divertida, não é um filme que a gente fica tipo “Uauuu que filme perfeito/lindo/maravilhoso”, mas é o tipo de filme que podemos assisti várias vezes sem enjoar. Achei super legal o jeito que eles fizeram para mostrar a passagem de tempo, que foi mudar a decoração da floricultura conforme as datas comemorativas. Ah já disse que tenho a maior vontade de ter uma floricultura? Deve ser o máximo trabalhar ao lado de muitas flores lindas!

Nenhum comentário

Postar um comentário