Segundo Eu Me Chamo Antonio, Pedro Gabriel


Sinopse: Segundo Eu Me Chamo Antônio - Alter ego do autor Pedro Gabriel, Antônio é personagem de um romance que ainda vai ser escrito. Enquanto não ganha as páginas, ele expressa, entre um chope e outro, seus sentimentos em ilustrações feitas em guardanapos de papel. 

Em Segundo Eu me chamo Antônio, além de frases irreverentes e poéticas, o personagem abre para o mundo as páginas do caderno em que escreve fragmentos de textos alguns de seus pensamentos mais profundos e explora sua criatividade brincando com frases e esboços rabiscados nervosamente. A arte de Pedro Gabriel expande-se para além dos guardanapos em ilustrações inéditas que pontuam essa nova obra.
Nº de Páginas: 192
Autor: Pedro Gabriel
Editora: Intrínseca 
***
Nem preciso dizer que sou apaixonada por poesia e versos que vem do coração e que tenha muito sentimento envolvido.
É óbvio que fiquei empolgada com o lançamento do Segundo eu Me Chamo Antônio. Logo que chegou eu devorei em uma sentada. Dessa vez poucos guardanapos me encantaram (Ah sim vocês podem ler a resenha do primeiro Eu Me Chamo Antônio AQUI), mas nesse livro tem um diferencial, além dos versos nos guardanapos tem também alguns textos que toca os nossos corações. Pedro Gabriel tem o dom com as palavras e sentimento para saber expressá-las.


Ciquenta Tons de Cinza


Sinopse: Anastasia Steele (Dakota Johnson) é uma estudante de literatura de 21 anos, recatada e virgem. Uma dia ela deve entrevistar para o jornal da faculdade o poderoso magnata Christian Grey (Jamie Dornan). Nasce uma complexa relação entre ambos: com a descoberta amorosa e sexual, Anastasia conhece os prazeres do sadomasoquismo, tornando-se o objeto de submissão do sádico Grey.
Duração: 2h e 05min
***
Para que já leu minha resenha do livro (AQUI) pode pensar que eu não estava com nenhuma vontade de assisti ao filme, porém eu crie uma expectativa muito grande sobre o filme na esperança deles destacarem mais a parte romântica e o sexo ser menos absurdo que o do livro. E olhem não me decepcionei dessa vez.
Anastasia Steele e Christian Gray se conhecem quando ela vai substituir a amiga para entrevista-lo. Ela logo se encanta por ele, e ele ver algo nela que o encanta. E apesar dele avisá-la de que deveria ficar longe dele, ele não consegue ficar longe dela. E mostra a maioria dos segredos para ela.
A parte do sexo ficou do jeito que eu imaginei, me excitou, mas não foi tão explicito como em um filme pornô. Teve a parte do sadomasoquismo, mas não foi espancamento como no livro, mostrou o prazer que ela estava sentido. E a última surra, que no livro para mim foi um absurdo, no filme a Anastasia reagiu do jeito certo.
E sem dúvida o que mais me conquistou foi a parte romântica e também as ironias e piadinhas internas dos dois que tiraram de mim e do pessoal do cinema várias risadas. Para mim que me decepcionei com o livro, o filme foi 10 vezes melhor.

Não se apega, não - Isabela Freitas


Sinopse: Desapegar: remover da sua vida tudo que torne o seu coração mais pesado. Loucos são os que mantêm relacionamentos ruins por medo da solidão. Qual é o problema de ficar sozinha? Que me desculpe o criador da frase “você deve encontrar a metade da sua laranja”. Calma lá, amigo. Eu nem gosto de laranja. O amor vem pros distraídos.
Tudo começa com um ponto-final: a decisão de terminar um namoro de dois anos com Gustavo, o namorado dos sonhos de toda garota. As amigas acharam que Isabela tinha enlouquecido, porque, afinal de contas, eles formavam um casal PER-FEI-TO! Mas por trás das aparências existia uma menina infeliz, disposta a assumir as consequências pela decisão de ficar sozinha. Estava na hora de resgatar o amor-próprio, a autoconfiança e entrar em contato com seus próprios desejos.
Parece fácil, mas atrapalhada do jeito que é, Isabela precisa primeiro lidar com o assédio de um primo gostosão, das tentações da balada e, principalmente, entender que o príncipe encantado é artigo em falta no mercado.
Isabela Freitas, em seu primeiro livro, narra os percalços vividos por sua personagem para encarar a vida e não se apegar ao que não presta, ainda assim, preservando seu lado romântico.
Autora: Isabela Freitas
Nº de Páginas: 254
Editora: Intrínseca
***
Não sei se vocês sabem, mas amo contar como eu descobrir tal livro ou filme. E a história do meu contato com esse livro é simples, nas minhas compras online sempre via ele em destaque mais nunca dava bola, só que no comecinho de janeiro quando eu estava em Salvador e fui na livraria (pensem ai quase três horas dentro da livraria admirando e desejando todos os livros!) vi esse livro em destaque mais uma vez, e comecei a folhear e ler (a melhor parte de ir em livrarias) e gostei bastante do que estava lendo e levei para casa.

Só que a vida é assim. Adora jogar na sua cara, que os caminhos são muitos e que devemos aceitar a consequência de cada um deles.

Isabela Freitas começa esse livro pelo fim do namoro, o que torna um pouquinho anormal a coisa, por que estamos acostumados a ver os personagens principais juntos. Em um primeiro momento parece um livro de auto ajuda, o que eu não gosto muito, mas no caso desse livro gostei bastante. Mas quando ela começa a falar muito sobre a vida depois do termino acaba se divergindo em vários momentos, ela passa a lei do desapego quando termina o namoro, mas se apegou fácil as paqueras de depois do fim do namoro. Isso impediu de eu dá os 5 coraçõezinhos, mas a leitura vale a pena, tem várias passagens que serve pra vida.

Mas aprendi uma coisa muito legal. Aprendi que todas as pessoas são certas. Isso mesmo. Todas as pessoas que passam na nossa vida são, de alguma forma, certas e nescessárias. Ali, naquele momento. Você precisa passar por elas para aprender alguma coisa.


Tour Pela Casa Antes da Mudança

Em dezembro eu gravei um tour pela casa, não mostrei muitos detalhes e tal, mas desde a reforma eu falei de fazer um tour e não fiz, e com a mudança aproveitei essa desculpa hehe para deixar de preguiça e gravar.
Logo, logo estou indo embora e gravei o processo de arrumar as caixas, depois posto o vlog da mudança. ♥




Livros que li em 2014



  1. Promessa de Sangue, Richelle Mead 
  2. Laços do Espirito, Richelle Mead
  3. Último Sacrifício, Richelle Mead
  4. A Probabilidade Estástica do Amor a Primeira vista,  Jennifer E. Smith
  5. Crepúsculo, Stephenie Meyer
  6. Lua Nova, Stephenie Meyer
  7. Eu Me Chamo Antônio, Pedro Gabriel
  8. Eclipse, Stephenie Meyer
  9. A Menina Que Colecionava Borboletas, Bruna Vieira
  10. Amanhecer, Stephenie Meyer
  11. Cidade dos Ossos, Cassandra Clare
  12. Cidade das Cinzas, Cassandra Clare
  13. O Segredo de Emma Corrigan, sophie Kinsella
  14. A Irmandade das Calças Viajantes, Ann Brashares
  15. O Segundo Verão da Irmandade, Ann Brashares
  16. Meninas de Calças - O Terceiro Verão da Irmandade, Ann Brashares
  17. Para sempre azul - O quarto verão da irmandade, Ann Brashares
  18. Azul é a cor mais quente, Julie Maroh
  19. Cidade de Vidro, Cassandra Clare
  20. Anjo Mecânico, Cassandra Clare
  21. Métrica, collern Hoover
  22. De volta aos sonhos, Bruna Vieira
  23. O Verão e a Cidade, Cadence Bushenel
  24. Harry Potter e a Pedra Filosofal, J. K. Rowling
  25. Harry Potter e a Câmara Secreta, J. K. Rowling
Em comparação com 2013 ano no qual eu li 45 livros, 2014 li poucos, mas também teve os que comecei e não terminei que quero colocar em dias esse ano. 




As Peças Infernais #1 - Anjo Mecânico, Cassandra Clare


Sinopse: Anjo mecânico apresenta o mundo que deu origem à série Os Instrumentos Mortais, sucesso de Cassandra Claire. Nesse primeiro volume, que se passa na Londres vitoriana, a protagonista Tessa Gray conhece o mundo dos Caçadores de Sombras quando precisa se mudar de Nova York para a Inglaterra depois da morte da tia. Quando chega para encontrar o irmão Nathaniel, seu único parente vivo, ela descobrirá que é dona de um poder que capaz de despertar uma guerra mortal entre os Nephilim e as máquinas do Magistrado, o novo comandante das forças do submundo.
Autor: Cassandra Clare
Nº de páginas: 392
Editora: Galera Record
***
Nesse livro Anjo Mecânico, da série As Peças Infernais que faz parte do mesmo universo da série Os Instrumentos Mortais, só que alguns séculos antes de Jace e Clare, e conta sobre a vida dos caçadores das sombras na Inglaterra, os personagens principais são Jem, Will e Tessa.
Tessa chega à Inglaterra depois da morte da sua tia para ficar com o seu irmão, mas não é ele que a espera no porto, e ela acaba descobrindo coisa sobre si mesma que ela não fazia a menor ideia que fosse capaz, e é Will e Jem que acaba a encontrando e levando para o instituto, com o poder que ela tem, ela não pode ficar sem ajuda. E os três, com a ajuda do pessoal do instituto vão descobrindo os mistérios que existem na vida de Tessa.
Entre Os Instrumentos Mortais e Peças Infernais, a segunda me conquistou mais que a primeira, tudo bem que só li os três primeiros livros da história de Jace e Clare, e só esse, que é o primeiro da trilogia, mas mesmo assim a história me prendeu muito mais, talvez por que eu sou apaixonada por livros que se passam em épocas passadas, o jeito de conversarem, os costumes. E também por que os mistérios sobre Tessa me prenderam muito mais, e o triangulo amoroso entre os personagens principais despertou mais curiosidade em mim para saber o que vai acontecer entre eles, do que Clare e Jace.
Foi o primeiro livro que li no Kobo e tive sorte de ser um livro que me prendeu do começo ao fim.


2 Anos e mudanças...


Eu sei que 2015 já começou faz tempo, janeiro já acabou, e o blog fez 2 anos dia 22, mais de dez dias atrás. Mas gente meu ano de 2015 começou com muitas novidades na minha vida. A virada passei em Salvador (vou tentar postar algumas fotos aqui) e me apaixonei pela cidade que por sinal faz parte de uma das novidades em minha vida, logo logo vou mudar para a capital da minha Bahia, uma parte da mudança já foi, estou esperando resolver alguns detalhes com o meu emprego anterior, por que fui demitida em dezembro e comprarei minha passagem.
E essa mudança é um dos motivos pelo meu sumiço do youtube de novo hehe, minha casa já está praticamente vazia, e uma bagunça só, sem condições de gravar vídeos, quer dizer estou fazendo um vlog da minha mudança e em breve vou postar um vídeo tour pela casa antes da mudança. 
E agora que ainda tenho algum tempo disponível vou aproveitar para colocar vários posts em dias, por que tem alguns que estão ha meses esperando minha boa vontade, principalmente dos esmaltes, um ou dois de livros e de filmes. E vou tentar compartilhar um pouco dessa nova fase da minha vida, começar tudo praticamente do zero, mas com fé em Deus que me dá forças todos os dias para seguir em busca dos meus sonhos.
Outra mudança, foi o nome do blog, o endereço sempre foi hailacmartins para que eu pudesse ter essa liberdade de mudar o nome do blog, e A Rainy Day já meio que não faz parte da minha vida, eu continuo amando dias chuvosos, mas o blog com o meu nome me dá mais liberdade para Layouts e ilustrações.
Então é isso, que grandes acontecimentos esse 2015 reserve para mim, grandes e bons, e eu acredito e tenho fé nisso.